Guararema atinge a marca de 3 mil moradores que já receberam a vacina

Guararema atinge a marca de 3 mil moradores que já receberam a vacina

Ao todo, já foram aplicadas mais de 4 mil doses da vacina contra a Covid-19  em idosos e profissionais da Saúde

Guararema chegou a marca de 3 mil pessoas que já receberam ao menos uma dose da vacina contra a Covid-19. Deste montante, quase mil moradores já receberam também o reforço do imunizante (segunda dose) e estão protegidos contra o novo coronavírus.

De acordo com o Boletim Epidemiológico de Guararema, divulgado diariamente, 3.249 pessoas tinham sido vacinadas até a noite desta terça-feira (06/04).

Os dados citados estão disponíveis à população tanto por meio de plataformas municipais quanto estaduais. Em Guararema, a Prefeitura disponibiliza as informações na aba “Informações Coronavírus”, no site da administração municipal (guararema.sp.gov.br). Já em âmbito estadual o balanço da imunização está disponível na plataforma VaciVida, do Governo do Estado.

A imunização em Guararema acompanha o ritmo de entrega de novas doses ao município e está em conformidade com o cronograma estadual e federal de vacinação. Isso significa na prática, que, com a chegada de um novo lote do imunizante, a Secretaria Municipal de Saúde libera o cadastro e, na data prevista pelos órgãos estaduais e federais, começa a imunizar a população.

Isso ocorreu na quarta-feira (31/03), quando a Secretaria Municipal de Saúde recebeu 490 novas doses da vacina Coronavac. Com a chegada dos novos imunizantes, a Pasta liberou o formulário para o cadastramento de idosos de 68 anos. Para se cadastrar, os idosos de 68 anos devem acessar o link bit.ly/2O7D8ld.

Dos 490 imunizantes encaminhados para Guararema, parte está sendo destinada para segunda dose do público de 75 a 76 anos e parte para a primeira dose para o público de 68 anos.

“Atingir a marca de 3 mil pessoas que receberam a vacina, mais de 10% da nossa população, em menos de dois meses é muito significativo. Temos que continuar avançando na imunização da nossa população, já que a vacinação junto com o isolamento social, são os melhores remédios contra a Covid-19”, explica a secretária municipal de Saúde, Adriana Martins.

 “Estamos seguindo o calendário de imunização à medida que recebemos novas doses. Há grupos etários em que há mais pessoas cadastradas do que doses e estamos cobrando frequentemente o Governo Federal e Estadual para que a gente receba mais doses da vacina”, completa.

Cadastro

Desenvolvido para organizar a fila e evitar aglomerações, o sistema de cadastramento adotado pela Secretaria Municipal de Saúde segue o calendário de vacinação estabelecido pelo Governo do Estado de São Paulo.

Após o cadastro, havendo vacinas disponíveis, equipes da Pasta entram em contato para agendar um dia e um horário para aplicar a dose. Dessa forma, a pessoa cadastrada, no dia e horário correto, deve ir à Central de Vacinação Coronavírus (Rua Doutor Armindo, 567, no bairro Nogueira) munida dos documentos necessários (originais e cópias).

É preciso levar um documento com foto contendo o número do CPF (original e cópia), o Cartão Nacional de Saúde (original e cópia) e comprovante de residência atualizado (original e cópia).

“É muito importante que os familiares e amigos ajudem os idosos a se cadastrarem corretamente. Esse é um sistema que tem como objetivo evitar aglomerações e otimizar o processo de imunização”, afirma a secretária de Saúde.

 Formulários

Idosos com 69 anos ou mais, que ainda não foram vacinados, também podem ser cadastrados para o recebimento da primeira dose. Para este público, os formulários continuam disponíveis no site da Prefeitura (www.guararema.sp.gov.br), na aba “Cadastramento para Vacinação da Covid-19.

Créditos fotos: Vitoria Mikaelli