Vacinação de crianças com comorbidades tem início em Guararema

Vacinação de crianças com comorbidades tem início em Guararema

A imunização foi iniciada nas três unidades de vacinação disponíveis para a população: no Nogueira, Lambari e Jardim Dulce

A Secretaria Municipal de Saúde deu início nesta segunda-feira (17) à vacinação de crianças com comorbidades e Pessoas com Deficiência (PCD) em Guararema. Com a presença do prefeito Zé, a imunização foi iniciada nas três unidades de vacinação disponíveis para a população: no Nogueira, Lambari e Jardim Dulce.Por volta das 12h50 a pequena Maysa Lohaine de Souza, 10 anos, recebeu a primeira dose infantil no município, na Unidade Básica do Lambari. Portadora de bronquite, após a imunização, Maysa recebeu o Certificado de Coragem, documento que comprova a vacinação desta faixa etária. Na unidade do Jardim Dulce, Natália Costa Souza foi a primeira vacinada, enquanto na Unidade Nogueira, Pedro dos Santos Domingues recebeu a primeira dose da unidade.

“Estamos dando um importante passo no objetivo final de imunizar toda a população de Guararema”, explica o prefeito Zé. “Com a descentralização da vacinação, temos a oportunidade de vacinar as nossas crianças perto de suas casas, com mais praticidade a todos”, completou.Guararema recebeu neste sábado 170 doses da vacina e, com isso, deu início à vacinação. A Secretaria Municipal de Saúde liberou nesta quinta-feira (13) o cadastramento para vacinação contra a Covid-19 5 a 11 anos com comorbidades ou PCDs. 

Além deste cadastro, também está disponível o pré-cadastro para crianças de 10 e 11 anos, sem comorbidades que serão imunizadas caso haja doses excedentes da vacinação das crianças com comorbidades.

O cadastro está disponível no Vacina.Digital, no site da Prefeitura de Guararema (guararema.sp.gov.br), no banner da página inicial ou no link “Cadastramento Para Vacinação da Covid-19”.“Pedimos aos pais que realizem o cadastro dos filhos com comorbidades e, aos demais, que fiquem atento a abertura dos novos grupos de vacinação para que a gente aumente a proteção contra a Covid-19 em nosso município”, explica a secretária municipal de Saúde, Adriana Martins.A lista de comorbidades aceitas pelo Ministério da Saúde está disponível no site e nas redes sociais da Prefeitura de Guararema. Para se vacinar, é preciso levar um documento com foto contendo o número do CPF (original e cópia), o Cartão Nacional de Saúde (original e cópia) e comprovante de residência atualizado (original e cópia) e comprovante de comorbidade, que também há a opção de ser anexado na realização do cadastro.

———————

Crédito fotos: Tiago Morais